BIOGRAFIA

Monsenor Manuel Larraín Errázuriz (1900 - 1966)

Manuel Larraín Errázuriz nasce em Santiago o ano 1900 numa família católica distinguida. Logo após de cursar seus estudos no Colegio Sánto Inácio y de directo na Universidade Católica de Chile, o futuro bispo de Talca (cidade do Sul do Chile), ingresou ao Seminário Maior de Santiago em 1922. Onze anos depois, em agosto de 1938, foi nomeado bispo de Talca, cargo que desempenhou até sua morte em 1966.

A vida de Dom Manuel Larraín foi muitos anos paralela com a vida do Padre Hurtado, seu grande amigo. Estudaram juntos no colégio, depós fizeram juntos o serviço militar e mais tarde consagram sua vida ao Senhor. Os dois sao formados no mesmo espíritu de serviço aos outros, especialmente en prol dos empobrecidos. A profunda amizade significou que muitas decissoes importantes da sua vida foram primeiro consultadas com o Pe. Hurtado.

Dom Manuel Larraín viveu num momento histórico de grandes cambios políticos e sociais, ele nao foi apenas um observador atento, porém em muitos momentos também teve um destacado protagonismo. Foi duramente criticado no seu tempo pelo apoio oferecido na criaçao da "Falange Nacional" (1938), grupo político surgido ao interior do partido conservador, grupo crítico da posiçao oficial deste partido, limitada -na sua opinao- únicamente a defender o statu quo e a predicar o conformismo entre os pobres e a caridade entre os ricos. Este apoio aumentou quando, diante da possível dissoluçao deste novo partido, em Novemvro de 1947 Manuel Larraín, declarou públicamente a ligitimidade da Falange Nacional, impulsabdo sua supervivencia, que anos mais tarde daria passo a Democracia Cristiana.

Sua figura teve um lugar importante na história da Igreja, primeiro no Congreso Eucarístico de 1955 em Rio de Janeiro e logo no Concílio Vaticano II (1962-1965). O Fruto do primeiro, foi o nascimento da "Conferencia Episcopal para America Latina" (CELAM), onde dom Manuel Larraín foi eleito vicepresidente. Em 1964 assumiou como presidente da CELAM, instancia na qual foi reconhecido como um grande lider da Igreja Latinoamericana. Participou ativamente no proceso de organizaçao do Concílio, destacando-se a sua inteligencia, entusiasmo e por seu carisma de fraternidade. As suas realizaçoes puderam ser percibidas mais que por palavras, por seu trabalho em prol de aproximar aos distintos bispos nivelando as diferenças e conflitos inevitáveis neste tipo de acontecimentos.

Durante a sua vida, lutou persistentemente pela sindicalizaçzao dos trabalhadores e camponeses como meio principal de melhorar sua qualidade de vida, de superar as desigualdades e de implementar uma ordem crista. Na decada dos 60 foi pioneiro no tema da reforma agrária em nosso país. Em meados do ano 1962, dom Manuel entregou as terras da fazenda "Los Silos de Pirque", propriedade do bispado, para um grupo de camponeses, dando o primeiro paso para este processo, exemplo que será seguido pelo cardeal dom Raul Silva Henríquez e pelos presidentes da república Jorge Alessandri, Eduardo Frei Montalva e Salvador Allende.

Em 1966, quando regresava a Talca desde Satiago, Dom Manuel Larraín Errazuriz morre a causa de um trágico acidente automovilistico. Na memória de tao destacado e insigne lutador pela justiça, o gobernó decretou luto nacional por tres días.